PINTEREST

terça-feira, 27 de janeiro de 2015

O novo aeroporto de Natal

Nunca vi nada tão mal feito, tão mal planejado e tão bonitinho. Um desperdício de dinheiro público, desde a avenida que leva até lá até o último parafuso da estrutura.
Não tem espaço para se andar entre as filas e traquitanas que atulham o corredor. Não tem caixa automático, não tem embalador de mala, quase não tem aonde comer e o que comer. Não tem as tradicionais lojinhas de aeroporto. Não tem , não tem, não tem.
Ainda não temos senhor... Aqui é o aeroporto do Futuro.
A área de locação de carros fica no desembarque, portanto na devolução precisa pedir pro guardinha deixar você ir no contrafluxo da saída, passando pela porta aonde se confere quem pegou a mala de quem.
A área de alimentação fica depois do embarque e o Bob's que está junto com a casa do pão de queijo esperando satisfazer a sua fome não possui os sandubas que anuncia. Claro, uma vez que ele passou a ser a única opção, não consegue dar conta.
O estacionamento fica no desembarque e quem embarca só consegue acompanhar depois de dar uma volta lá na casa do chapéu. O controle do estacionamento é depois de alguns quilômetros e você que se lasque se não achou aonde paga, se não lembrou aonde paga, se não pagou.
Pra chegar no aeroporto então é uma luta. ou você vem da zona norte e tenta achar o caminho com bússola e barômetro, ou ainda vem por Ceará Mirim (quem vem de Mossoró) ou vem por Macaíba e São Gonçalo do Amarante. São Gonçalo, aliás, é o município que abriga o aeroporto.
O mais interessante é que o aeroporto anterior, o Augusto Severo em Parnamirim, tinha sido reformado recentemente. Parece que o mesmo ficou para a Aeronáutica com todas as suas lojas, caixas de Bancos, restaurantes e estrutura das Locadoras de veículos.
Alguém explica isso?