PINTEREST

sábado, 2 de março de 2013

Poesia de Lombada

Eu já viajei no lance de ler a lombada de livros de modo que constituísse uma mensagem secreta. Ou seja, imaginar a arrumação dos livros na estante como mensagem que o dono da casa passa apenas para alguns. Uma vez um amigo, que não vejo há tempos, me disse que ele achava que DJ de radio passava uma mensagem na seqüência das musicas que colocava no ar.
Muito bem, esta semana vi na VEJA uma história maluca de pessoas que procuram fazer poesia arrumando livros de modo que suas lombadas passem uma mensagem. Viu?! Tem maluco pra tudo e eu sou normalzinho, normalzinho....

Nenhum comentário: