PINTEREST

sábado, 11 de fevereiro de 2012

São Paulo

 Vila dos Ingleses

Olhe, esta cidade pode ter mil defeitos, pode não ter recebido o apelido de "maravilhosa", pode até ter maus Prefeitos (um atrás do outro) e, mesmo assim, é deliciosa de se viver. A vida em São Paulo tem emoção, no mínimo. Ontem mesmo, enquanto visitava a Maravilhosa Vila dos Ingleses (na Luz) caiu o maior toró. Chuva sem dó nem piedade. Beleza... além de inundar tudo, produziu o maior congestionamento dos últimos tempos. Mas, mesmo assim, adoro este lugar. É sacanagem dizer que nasci e cresci aqui e, apesar disso, meu amor por esta loucura de pedra não tem nada a ver com isso. Tem a ver com a diversidade, com o amálgama que se criou nestas margens de rio, neste planalto cercado por espigões. Tem a ver com cor, com cheiro, com pessoas. Tem a ver com excesso. 
Mas, independente disso, ontem cumpri uma promessa feita nos anos oitenta lá na rua Avanhandava: me filiei ao Sindicato dos Arquitetos (SASP). São PAulo precisa, a categoria precisa, principalmente neste momento de transição em que todos parecem perdidos no limbo entre o CREA e o CAU. Quanto mais gente, melhor... "Nada a temer, senão o correr da luta!"

 Torre da Rede Record, vista do Forum Trabalhista
 Muro na Barra Funda, perto da Rodoviária
 Estação vista da Rua Mauá
Metro, linha Amarela
edifício invadido