PINTEREST

domingo, 11 de setembro de 2011

Ó dúvida cruel...

Sei não... para falar a verdade não me alinho com todos aqueles que acham bonitinho velar os mortos do ataque perpetrado em 11 de setembro de 2001. Eu estava na frente de um monitor da Bloomberg e recebi a notícia fresca. Liguei na Globonews e vi o segundo avião como quem assiste a final do Pré-Olímpico de Basquete. Não me diz nada. Não sou fã. É ficção? É realidade? É mistura destas duas coisas, como os artigos de jornal da memória, ressoando durante a projeção de um filme? Não sei dizer. Sei que Mickey começou jogando Napalm nas aldeias e antes dele os brinquedos explosivos em Dresden. Quem viu Charlies War? Quem conheceu alguém nas Torres ou mesmo em Tobruk ou Budapest? Só sei que estou cansado do colonialismo cultural. Cansado de ter de achar o sofrimento deles mais bacana do que o nosso. Cansado de achar o lixo deles mais bonito do que o nosso. Fede igual, isso eu sei.

Imagem: Banksy