PINTEREST

terça-feira, 15 de março de 2011

Desastre Nuclear

Para mim, nesta minha modesta condição de nada ou coisa nenhuma, a existência de instalações nucleares perto de cidades é semelhante ao sujeito que cria escorpiões em um aquário no próprio quarto de dormir. É "superhiperduper" SEGURO.
Lembram de Three Mile Island ou Chernobil? Quem mora perto de Angra, nunca esquece. Estamos todos vulneráveis, apenas esperando o que o diabo vai detonar estas bombas, plantadas no meio de nossas cidades, com média de trinta ou quarenta anos de idade. Qualquer idiota, que sabe colocar um tijolo sobre o outro, sabe que as construções têm vida útil. A das Usinas Nucleares está chegando ao fim. Os pobres dos Japoneses que o digam.

Um comentário:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Infelizmente, o Japão não tem outro tipo de escolha. São 55 Usinas Nucleares. Em qualquer lugar da ilha existem cidades grandes, uma vez que é um país com grande densidade demográfica. Sem essa energia o Japão não seria a 3ª Economia do mundo. O risco é exatamente este.