PINTEREST

domingo, 9 de maio de 2010

Grande dia....

Claro que todos estão a pensar que vou falar do dia das mães. Sim, mãe é importante, todos têm uma e a minha é a melhor do mundo. Mas dia das mães é no segundo domingo de maio, portanto, a cada ano é em uma data diversa da do ano anterior. Nossa, tá um frio danado de lascado. Mas o que quero dizer é que hoje é o aniversário (ou seria) do cara que povoou minha imaginação durante decadas. Enquanto não pude ir pessoalmente ao Museu Britânico, não sosseguei. Garanto que se passaram muitos anos entre eu ter lido meu primeiro livro sobre o assunto e minha visita pessoal ao Museu. Trata-se de Howard Carter, nascido neste nove de maio de 1874. Carter é o cara! Nada de Lula ou Obama... papo furado: Carter é o cara!!! Foi ele que descobriu a Múmia de Tutancamon. A Múmia, a tumba e tudo o mais. Mil estórias, mil acontecências (acho que já adverti uma vez de que esta palavra não existe oficialmente, mas isto pouco importa). Importa que ele nasceu em nove de maio. Aliás, para aqueles que gostam de coincidências, foi também em um nove de maio de 1867 que faleceu Champollion, o sujeito que por conta de um pedaço de pedra decifrou os hieroglifos ( a escrita egípcia). A famosa pedra de roseta. Olha, eu não sei quanto a vocês, mas a minha imaginação sempre foi até a lua e voltou quando se tratava dos egipcios, dos gregos, dos espartanos e dos romanos. Sempre foram minhas aulas preferidas e eu agradeço a Deus não ter existido nem Indiana Jones e muito menos Lara Croft para estragar minhas viagens. Aliás Indiana tem um bocado do nosso Carter, ah se tem. Um brinde a Howard Carter!
Imagens da net (por óbvio). Howard na estação, Howard e a Múmia e Howard com Lord Carnavon (o homem da grana) e sua filha. Sempre tem a filha na parada e depois dizem que os filmes são de ficção...