PINTEREST

segunda-feira, 8 de fevereiro de 2010

Cadê o Montador?

Disposto a aproveitar a liquidação de até 70% de uma grande loja de móveis e decoração, interrompi minhas comemorações dominicais e entre uma coisa e outra passei por lá. É claro que, numa ocasião como essa, não fui só eu que tive esta brilhante idéia. Meia São Paulo também estava lá... Como a gente acostuma com qualquer coisa, formigueiro chutado é fichinha perto do que passei. Para ajudar, a luz faltou e o gerador da loja aguentou apenas as lâmpadas, deixando o ar-condicionado e seus adeptos a verem navios. Se você acha que imaginou a cena, acredite: você está redondamente enganado. Não chegou nem perto. E como o que é do homem o bicho não come, meus singelos criados mudos sairam de lá sob minha guarda. O detalhe ficou por conta de que se eu os quisesse ver montados, talvez estivesse por lá até agora. Com esta premissa posta (sem nenhuma margem de discussão), levei meus pequenos móveis na caixa e hoje ao abrir a embalagem, descobri que faltei na aula que ensina a ler folheto de montagem...