PINTEREST

sábado, 11 de dezembro de 2010

Atendimento

Eu não sei se é o tal de espírito de Natal, se é o stress ou o quê, mas os estabelecimentos comerciais estão cada dia piores no quesito atendimento. Eu não sou de frequentar buteco pé sujo, mas quando por força das circunstâncias me cabe um desses no destino, sou atendido na maioria das vezes com um sorriso, um bom dia ou um pois não... Esta semana fui no Shopping Morumbi, estabelecimento que se gaba do nível de suas lojas e cujos preços beiram o "caro" (digamos assim). Era hora de almoço e eu e meu cunhado resolvemos comer num desses "Tal e coisa Grill" (combinamos não divulgar o nome, pois no final não nos cobrou a conta) e recebemos um atendimento de quinta ou sexta categoria. A começar que o prato veio errado, depois veio frio e, suprema glória, veio faltando pedaço. Do suco, nem soubemos a cor... e os atendentes riam da nossa cara. Depois até passei pelo banheiro para ver se, por acaso, não ostentava meu nariz vermelho.
Hoje à noite passei pelo episódio dois, e a pizza levou mais de duas horas para aparecer. Com uma atendente de telefone dessas, qualquer pizzaria iria à falência. Esta eu não sei porquê ainda não o foi. Ela ri da sua fome, diz prazos estapafúrdios e acha graça da reclamação. A pizza veio sem a muzzarella prometida  (só lombo e cebola?) e o moto-boy alertou para segurar a embalagem por baixo, pois o papelão é fino, dobra e deita a pizza na calçada. Ele avisou com tanta veemência, que imagino já ter presenciado isso várias vezes.
Ora, estamos na Pacata Vila dos tempos do Império, uma cidade de primeira (você coloca a segunda e já saiu dela), portanto não cabe levar duas horas para entregar um pedido. NÃO TEM DESCULPA.
Eu não entendo, com tanto SEBRAE, SENAC etc e tal, como pode ter comerciante ruim pela rua. A única conclusão que chego é a de que as pessoas não reclamam. Eu reclamo e não é a primeira vez que almoço de graça por conta disso, pois é a única reparação que o gerente vê como saída. Já no caso da pizza, esta foi a última vez que este estabelecimento que só abre à Notte me vendeu uma.

PS: "Notte" não é um erro de digitação, é o nome da pizzaria que não sabe atender.
PSII: a foto foi feita na Barragem de Pau dos Ferros/RN


4 comentários:

Bípede Falante disse...

Eu não sei o que está acontecendo, mas as pessoas estão más e debochadas e desqualificadas, isso tudo para não dizer que são recalcadas e invejosas e que odeiam umas as outras sem nem saber o porquê.
bjs

TARDE disse...

Pois é... Eu acredito que seja desleixo, falta de treinamento e o famoso "deixa assim que ta bom".
Obrigado pela visita e Boa semana pra ti e os teus.

Lucia Alfaya disse...

O pior é que isso ocorre no país inteiro. Com grandes e pequenas empresas. O descaso com o consumidor é uma constante, e eu também reclamo sempre! Não sei se adianta alguma coisa mas não deixo barato, se estou no meu direito reclamo. Quem sabe um dia...

TARDE disse...

Verdade querida;
Esta cultura deve ser implantada a todo custo. Se quer prestar serviço, quer vender, tem de tratar bem. E não é bajular não, apenas tratar decentemente, com educação e respeito. Obrigado pela visita e comentário.