PINTEREST

segunda-feira, 23 de agosto de 2010

Definitivamente... O Brasil está mudando!

Nesta tarde seca e ensolarada o TRE-SP barrou a candidatura de Paulo Maluf com base na Lei de "Ficha suja" por quatro votos a dois. É claro - mais do que óbvio - que o exército de advogados do nobre Deputado já entrou em ação. Soube de fonte "limpa" que já foram requisitados quinhentos sandubas de mortadela e várias caixas de guaraná em pó, duzentoas garrafas térmicas de café, balinha jujuba e outras coisinhas mais... capazes de combater o sono e possibilitar a redação dos inúmeros recursos a serem distribuídos de modo que o aspirante à reeleição  tome posse. Segundo o próprio interessado, apenas Deus o tira da vida pública. Há, no entanto, enorme parcela dos paulistas interessados no sepultamento desta carreira política, que já parece ter ido longe demais. Quem viver, verá.

6 comentários:

Carlos Eduardo da Maia disse...

Parabéns ao TRE de SP. Se existe algo que não entendo é por que motivos parte considerável do povo de São Paulo ainda deposita seus votos nas urnas do 'nobre deputado'.

TARDE disse...

Ora, caro amigo, neste vasto Brasil, imenso e eclético, há mais coisas do que é capaz de supor a nossa vã filosofia... apenas para ser educado e parafrasear o conhecido escritor bretão. (rsrsrs)

Bípede Falante disse...

Finalmente!
Tava na hora de alguém dizer não a esse senhor.

Leca disse...

Tomara...
que ele não tenha direito de recorrer à essa decisão...
e que ele não seja o último...
só o primeiro...a escutar esse não...

Beijo
Leca

Maurício Azevedo disse...

É uma pena que em alguns governos, parte de seus integrantes possam tudo, inclusive ficar com a "ficha limpa", mesmo depois do mensalão. Acho que este posicionamento do TRE deveria se estender a vários outros políticos que, tanto quanto Paulo Maluf, deveriam ter sua candidatura barrada. Mas, como dizia o outro ditador, Getúlio Vargas: " Aos aliados tudo, aos adversários, o rigor da lei". Paciência, vamos levando.

Terráqueo disse...

O Brasil está mudando. Acho que dessa vez ele não consegue mais. Abs.