PINTEREST

quinta-feira, 15 de abril de 2010

Lost in Space

O mundo, definitivamente, está a perder o Juízo. Para muitos filósofos está a se perder aquilo que jamais se teve. Na minha modesta opinião, porém, não se está perdendo nada. Não há o que perder, pois simplesmente não existe certo e errado. Não existem ditames a serem seguidos. Não existe um Príncipe ou um Papa capaz de aglutinar o povo, na força, no medo ou na conversa. O que existe são padres falando bobagem, Governadores contratando strippers, alunos cada ano desaprendendo mais e o povo (ora o povo) cada vez pensando menos. Portanto, caros amigos, o ano de 2010 se afigura no rol dos de bom augúrio, pois além de os estrangeiros nos garantirem que haveremos de crescer 7% (Nem o Ministro Mantega conseguiu ser tão otimista), teremos eleições e Copa do Mundo, muito churrasco e cerveja, algum carnaval e a certeza plena de que em domingo de sol “vai dar praia”... a minha, a sua, a nossa praia!
Enquanto isso Falcão continua em busca de seus trezentos gols no Futsal, Neymar está a fazer vários por jogo, Diego Hipolyto vai fazendo história e Felipe é Massa. Lula certamente será um excelente Senador, com casa na beira do Paranoá, José Dirceu terá a Banca mais formosa do Planalto (e não estamos a falar de revistas...) e Rita Cadillac vai lotar as salas de cinema. Ou seja, as fábricas de fogos sempre terão a quem vender sua mercadoria. Eu, de minha parte, estarei ocupadíssimo, montando meu kit do veículo espacial da família Robinson de “Perdidos no Espaço”.

IMAGENS: A primeira, por óbvio, da stripper assessora. A segunda não carece de explicação. A primeira, reprodução da FOLHA, a segunda sobre a mesa do escritório, minutos após a chegada do Sr. Carteiro.

3 comentários:

Leca disse...

Bom dia...
ninguém perde o que não tem...não é verdade...?!
adorei o kit do veículo espacial...
Existe muita gente falando e fazendo muita bobagem por aí...
mas ainda podemos gastar fogos com quem merece...
adorei a sua discordância à respeito do Gonzaguinha...realmente...ele segue vivo...
beijos...ótimo final de semana pra você
Leca

Bípede Falante disse...

Aqui em casa, quem monta os veículos, naves, navios sou eu. Começei por causa do pequeno bípede e fui ficando craque. Hoje em dia, monto qualquer coisa. Ganhei agilidade e visão do todo a partir de um pedaço. A nave do Perdidos parece incrível. Você vai se divertir um bocado e o efeito final será fantástico.

TARDE disse...

O duro vai ser pintar. Estou sem aerógrafo...