PINTEREST

terça-feira, 9 de março de 2010

DIO, COME TI AMO

Taí! Você quer ver Cinderela na versão Ítalo-Espanhola do final dos anos sessenta? Aquele filme que lotou as salas de cinema com a bela Gigliola Cinquetti? Pois vá correndo, se vire, faça a sua locadora ficar louca, percorra os Sebos de sua Comarca. Faça um bem à sua alma. A música título de Domenico Modugno é cantada no início e no final do filme. No mais, Gigliola desfila todo o seu talento e repertório neste Musical Romântico rodado em belas locações entre Barcelona e Napoli em 1966, incluindo um passeio por Pompéia. Eu garanto que vale a noite.

3 comentários:

Mônica Danuta disse...

Eita.. cresci ouvindo uma história que minha mãe contava que foi ao cinema como uma prima dela...que por sinal dormiu o filme tooodo, e no final qd acordou queria saber quem era Dio..aaafff

bacana demais seu Blog!!
ainda vou aprender a organizar o meu assim.hhihihih
Abração

Terráqueo disse...

Assisti esse filme faz quase 40 anos na matiné do cinema de uma pequena cidade do interior. Nunca esqueci a Gigliola cantando no aeroporto nem a emoção da minha babá que nos acompanhava. Essa cena fiicou tão marcada na minha memória que em uma ocasião pensei em fazer o mesmo. Mas com a minha voz e as normas de segurança atuais, não teria sucesso. Brincadeiras a parte, o filme merece ser visto. É um dramalhão com final feliz e a música e a fotografia são lindas.

Abraço,

Terráqueo

TARDE disse...

Obrigado pela visita Mônica, kkkkkkk ótima essa, só rindo.
Olha Terráqueo, a cena do aeroporto é realmente de rir chorando, ainda mais que eles vão ao avião pela pista e mal e mal tem uma ou duas aeronaves da Alitalia por lá... (rsrsrs)Bem vindo e volte sempre.